Ficha Técnica

Doçura

Acidez

Tanino

Frutado

Baseadas nas análises dos nossos sommeliers

Tipo de vinho

Tinto

País

Chile

Região

Valle del Maipo

Teor alcoólico

14,0%

Tipo de fechamento

Rolha de cortiça

Produtor

Jean-Pascal Lacaze

Serviço

16ºC

Volume

750ml

Uvas

Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc, Merlot, Carménère, Petit Verdot

Safra

2015

Potencial de guarda

2024

Maturação

30% do vinho passou 12 meses em barricas de carvalho e 70% passou 18 meses em tanques de aço inox

Premiações

90 pontos Robert Parker

Premiações

  • RP-90

Sobre o vinho

Ari Gorenstein
Ari Gorenstein

Ari Gorenstein

Sommelier da Evino

Um vinho para quem gosta de originalidade. Afinal, este rótulo veio para provar que o Chile é o grande destaque do Novo Mundo; que o Valle del Maipo é uma das regiões vitivinícolas mais importantes do país; que os vinhedos de Viña Clos Quebrada de Macul se tornaram um dos mais bem-sucedidos e, por fim, que blends chilenos como este também são indispensáveis à adega de qualquer fã de vinho. Anka vem do hebraico e significa “favorecido, cheio da graça”. A palavra faz clara menção ao terroir no qual foi elaborado, agraciado por condições geoclimáticas favoráveis à elaboração de rótulos únicos. Conheça um deles!

Visual

Vermelho-rubi intenso

Nariz

Frutas vermelhas, como cereja e ameixa, notas de cassis e hortelã com fundo especiado

Boca

Frutado, equilibrado em acidez, robusto com taninos presentes e aveludados

Harmonização

Carnes de caça, massas com molhos cremosos e queijos maduros

Conheça este Produtor

Chile

Jean-Pascal Lacaze

Chile

Jean-Pascal Lacaze herdou de seu avô viticultor o amor pelo vinho. Depois de anos adquirindo experiência em vinhedos de Saint-Émilion, renomada região de Bordeaux, Jean-Pascal começou sua jornada na América Latina atuando como consultor enólogo na vinícola Casa Filgueira, em Canelones, Uruguai. Em meados dos anos 2000, Jean-Pascal decidiu implementar as técnicas de cultivo de Saint-Émilion em vinhedos do Valle del Maipo, no Chile. Assim, tornou-se enólogo da Clos Quebrada de Macul, situada aos pés da Cordilheira. Lá assinou o famoso Domus Aurea, vinho eleito O Melhor do Chile pela crítica especializada em 2013. Hoje você encontra o trabalho de Jean-Pascal em vinhos da Clos Quebrada de Macul, da Viña Pargua e Peñolalén.

Jean-Pascal Lacaze